Literatura surda: o que é e qual sua importância

Literatura surda: o que é e qual sua importância

O avanço da disseminação do conhecimento atrai inúmeros benefícios para a sociedade e boa parte deles recaem sob a comunidade surda e o fortalecimento de sua cultura no mundo.

Por ser minoria e, em grande parte dos espaços, ainda marginalizada, a comunidade surda segue buscando se firmar em sua identidade, conquistando espaços cada vez mais importantes em meio a sociedade em geral.

A Literatura surda é mais uma maneira de dizer: “nós existimos e somos necessários como todas as outras pessoas”. Ver que já existem livros clássicos, poesias, teatros adaptados para comunidade surda nos dias atuais significa enxergar uma evolução concreta do que, até então, parecia inalcançável.

Acompanhe conosco e veja o que é a Literatura Surda e qual a sua importância para os surdos e toda sociedade!

O que é a Literatura Surda?



Os estudos sobre a Literatura Surda são considerados recentes, se comparados à existência do mundo, no entanto já se pode acessar resultados incríveis acerca do fortalecimento da cultura surda em meio a uma sociedade ainda retrógrada quando o assunto é inclusão.

De acordo com Karnopp (2006), chama-se Literatura Surda todo texto literário produzido em sinais, feitos por surdos e direcionados aos surdos, em vista de preservar e fazer crescer a comunidade surda e seus traços culturais.

Quando uma pessoa surda tem acesso à Literatura Surda, ela tem a capacidade de apreender todo conhecimento de mundo, principalmente no que tange à comunidade surda, que está presente naquela construção literária.

A Literatura Surda é ainda considerada uma “literatura de reconhecimento”, na qual toda comunidade surda deve se identificar enquanto ser pensante, individual e coletivo que, apesar de pertencer a uma maioria ouvinte e com perspectivas de mundo distintas, também constituem uma minoria com percepções igualmente relevantes para a sociedade em geral.

Qual a importância da Literatura Surda?



É de extrema importância a existência da Literatura Surda, visto que ela favorece o empoderamento de uma minoria linguística que anseia por afirmar suas tradições culturais nativas e recuperar as histórias que foram reprimidas ao longo de suas trajetórias.

Além disso, a literatura surda tende a direcionar de maneira mais assertiva a formação humana das crianças surdas, construindo a integração entre língua de sinais, língua portuguesa, narrativas, identidade pessoal e visão de mundo.

Assim, contar com a existência de textos literários voltados para comunidade surda é uma grande vitória para toda comunidade surda que se mantém em busca de firmar-se enquanto minoria essencial para a construção de uma sociedade mais igualitária e integrada.

Onde encontrar Literatura Surda?



Conforme foi dito anteriormente, já existem diversos textos literários traduzidos para LIBRAS na atualidade. Inclusive, textos clássicos da literatura escritos em todo mundo.

Alguns deles são:

– Alice no País das Maravilhas (Lewis Carroll, 2002);
– As aventuras de Pinóquio (Carlo Collodi, 2003);
– A história de Aladim e a lâmpada maravilhosa (autor desconhecido, 2004);
– Iracema (José de Alencar, 2002);
– O velho da horta (Gil Vicente, 2004);
– O Alienista (Machado de Assis, 2004);
– O Caso da Vara (Machado de Assis, 2005);
– A Missa do Galo (Machado de Assis, 2005);
– A cartomante (Machado de Assis 2005);
– O Relógio de Ouro (Machado de Assis 2005).

Também se pode encontrar adaptações para literatura surda de clássicos da literatura infantil:

– Cinderela Surda (Hessel; Rosa; Karnopp, 2003);
– Rapunzel Surda (Silveira; Rosa; Karnopp, 2003);
– Adão e Eva (Rosa; Karnopp, 2005);
– Patinho Surdo (Rosa; Karnopp, 2005).

LOJA VIRTUAL